Motivação da história da Águia

águia é realmente uma criatura fascinante. Possui uma visão tão poderosa que faz vislumbrar horizontes que para os outros são invisíveis, sem esforço, ela conquista o respeito de todos que a vêem, com o movimento de suas grandes asas. Além disso, uma águia aprende desde pequena, a importância de superar limites.

O significado da águia é normalmente associado a coragem e força, por isso, é chamada de "rainha dos céus", pela soberania, beleza e imponência.

Na mitologia grega, a águia é o símbolo de Zeus, o mais poderoso dos deuses. Na cultura celta é símbolo do renascimento e renovação. Para os antigos egípcios, era o símbolo da vida eterna. Os antigos romanos usavam a figura desta ave como emblema, nos escudos de batalha, porque era o símbolo reconhecido do Império Romano. Atualmente a águia é o símbolo nacional dos Estados Unidos, acompanha também o brasão do Colégio Monforte que carrega a filosofia da águia nas atuações do trabalho educacional.

águia simboliza nobreza, liberdade, agilidade e outras virtudes. Sua figura é usada em brasões, logotipos, associações, etc. para representar liderança, habilidade e atitude em agir diante de qualquer obstáculo, destacando seu espírito vitorioso.

Lição de uma verdadeira Águia

Ela consegue alcançar alturas acima de 3.000 metros, é capaz de resistir ventos e tempestades e continuar firme em fundamentos sólidos.

Chega a viver 70 anos e se renova aos 40, quando arranca seu próprio bico, penas e unhas velhas, e então, parte para o famoso vôo de renovação para viver mais 30 anos.

Constrói seu ninho para durar, em rochas nas alturas, com grandes galhos e ramos, então, pronta para começar a sua família, casa-se por toda a vida. A mamãe águia põe um ou dois ovos, o pai águia se incumbe dos proventos da família.

No momento certo a mãe águia agita seu ninho, e com o bater das suas asas, ela, deliberadamente, empurra o primeiro filhote para fora do ninho, e lá se vai a pequenina águia em queda livre, então, antes de quase bater no chão, a mamãe e papai águia se arremetem bem por baixo dela e, gentilmente, seguram-na em suas grandes asas, de volta para o ninho, até o próximo vôo sublime.

Arrojada por natureza, de modos majestosos, incansável em resistência e emocionante no vôo, a águia é, provavelmente, um dos pássaros mais incríveis que Deus criou! E não é mera coincidência que Ele quisesse comparar-nos com essa criatura surpreendente, por isso, voe alto como as águias.